Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O POETA DO SILÊNCIO

Em homenagem
ao Sr. F. Eloy


Vimos teu rosto silencioso e bom
impávido e sereno perante a morte
tomara virmos a merecer tal sorte
compondo partitura em feliz tom.

Secaste as tuas lágrimas de dor
e num ténue sorriso permitiste
ver naquela saudade que sentiste
ir-se mais uma vez o mesmo amor...

Venceste a morte abrindo a tua alma
àquela paz sadia e àquela calma
que levedam fermento em maresia...

Amigo, não ‘stás só nesta jornada,
que a vida solitária não é nada,
e tens muito p’ ra dar à poesia !



Frassino Machado
In ODISSEIA DA ALMA
FRASSINO MACHADO
Enviado por FRASSINO MACHADO em 19/07/2005
Código do texto: T35762
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FRASSINO MACHADO
Odivelas - Lisboa - Portugal
1597 textos (43902 leituras)
20 áudios (813 audições)
2 e-livros (19 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:14)
FRASSINO MACHADO

Site do Escritor