Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Procurei um verdadeiro amigo...

A vida me premiou de muitas coisas
Tanto de conforto como bens
Mas sempre me sentia sozinha
Como despida de alma
Repleta  de solidão do momento
Tudo parecia reluzir na mais bela luz
Parecia ter um certo encanto
Engano meu, triste engano meu
Pois o que rodeava era falso
Buscavam os restos que sobravam
Nas horas de tristeza e dor
Não estava ninguém para escutar
No silencio das paredes frias
Corriam as lágrimas de solidão
Por não ter um amigo verdadeiro
Aquele que me escuta, abraça
Dá o seu ombro para eu encostar
A minha cabeça para não desamparar
Aquele que ilumina o coração
Soprando uma bela canção de paz
Onde nos doa sem medo o amor
Aquele tão falado amor incondicional
Oferecendo a sua alma linda
Dando de si o seu melhor
Por isso as minhas riquezas
Eram tão falsas que enferrujaram
Perderam o brilho do momento
Como o vendedor de ilusões
Amigo que eu busco não tem preço
Mas sim o maior valor da real vida
O dom do amor verdadeiro
Mas encontrei esse amigo
Sem saber, talvez o premio
Que Deus me deu ao ver
Que sofria de triste solidão



Betimartins
Enviado por Betimartins em 07/09/2007
Código do texto: T642739

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Betimartins
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
1675 textos (97472 leituras)
9 áudios (899 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 04:57)
Betimartins