Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Palavras

Palavras que não se calam
Que não faltam, que não me abalam
Por vezes me seduzem
Em letras que reluzem

As palavras da boca da pessoa amada
Sei que são abençoadas
São palavras que têm sentido
De um bálsamo, de um lenitivo

Palavras soltas ao vento
Cicatrizando os ferimentos
Têm o testemunho do firmamento
Palavras de amor em juramento

Há palavras que nunca são ditas
Mas são esperadas, desejadas
Dos seus lábios benditos
Palavras de doce mistério
Encantadoras, suaves, doce desidério

No entanto, há palavras que ressoam
Na imensidão do Universo
Atroando seu nome no mar bramante
Nas fendas das penhas
Em doces e estranhas frases
Que só os deuses entendem
Mas, que você sabe
Pois é seu nome pronunciado
Juraci Rocha
Enviado por Juraci Rocha em 17/01/2006
Reeditado em 19/01/2006
Código do texto: T100103

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Juraci Rocha Silva). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Juraci Rocha
São Paulo - São Paulo - Brasil
342 textos (131989 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:06)
Juraci Rocha