Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESPEREI NA ESTRADA QUE PASSAVA

Esperei na estrada que passava...
Pelo centro de seu coração
Nos sinuosos caminhos do pensamento
Levando ao limite do delírio.

Esperei na estrada que passava...
Pelo céu de sua boca
Na extensão da linha do horizonte
Levando ao limite da loucura.

Esperei na estrada que passava...
Pelo fundo de seus olhos
Na verdade das nossas vidas presentes
Levando ao limite do amor.

Esperei na estrada que passava...
Pelo ardor de seu sexo
Nos insaciáveis soluços do desejo
Levando ao limite do prazer.

Esperei na estrada que passava...
Pelo suor de seu corpo
No cansaço dos momentos de pura paixão
Levando ao limite do ser humano.
Julio Alves Filho
Enviado por Julio Alves Filho em 20/01/2006
Código do texto: T101370

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Julio Alves Filho). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Julio Alves Filho
São Paulo - São Paulo - Brasil, 53 anos
233 textos (13515 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:36)
Julio Alves Filho