Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Língua

lisieux

Serpente que entra e sai da minha boca
A tua, inteira,  buscando  desvendar
Cobra de fogo que percorre, louca,
O céu da tua boca, no ato de beijar

Macia  e quente, suave e sensual
Passeia por teu corpo, depõe beijo
Mergulha em ti, até que, afinal,
Encontra o objeto do desejo...

A ele se apega, lambe, se lambuza
Molha de saliva, dele todo abusa
Sorve e suga, afoita, a seiva do prazer

Cobra de fogo, qu’outra cobra encontra...
E nesse encontro é qu’ela se dá conta
Que só por ti é que valeu viver...

BH -  22.06.02

lisieux
Enviado por lisieux em 29/01/2006
Código do texto: T105411
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
lisieux
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 61 anos
394 textos (14454 leituras)
3 e-livros (409 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:33)
lisieux