Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Maré baixa

Recolho no horizonte cinzento
minhas estrelas cintilantes.
Jogo ao vento um olhar perdido
no encontro de uma ternura
Não fossem os medos
que a mim não pertencem...

As horas brincam de passar!

Me vejo entregue a meu amor,
Corpo alma e ouvidos.
Não sei dizer a força de minha voz,
se convence, se faz-se acreditar.
Mas acredito na delicadeza
de sua essência.

O vento leva meu olhar
... misturando-o às estrelas cintilantes
e tornando o horizonte límpido.
Dil Erick
Enviado por Dil Erick em 30/01/2006
Código do texto: T106225
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Dil Erick
Macapá - Amapá - Brasil, 29 anos
325 textos (13533 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:32)
Dil Erick