Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ABSTRATO:


Abstrato:


Quem...
Foi que disse.
Que o amor, e abstrato.
Que só existe, na imaginação.
Daqueles, que vivem, de sonhos.
E acreditam no amor a primeira vista.
Que o primeiro beijo desperta,
O amor que existe dentro de nós.
Quem...
Assim pensa e diz.
Jamais vai saber o que, é.
A felicidade bater em sua porta.
Não tem imaginação, e nem sonha.
Apenas tem uma vida vazia pela frente.
Nunca soube o valor do primeiro beijo.
E, o quanto de amor existe em nós.
Quem...
Assim pensa, não vive.
Apenas passa, pela a vida..
Sem ninguém, constrói, desilusões.
Construí castelos, em areias movediças.
Entre a solidão e o silencio se divide.
Sem saber que, o beijo provoca.
Um sentimento puro, dentro de nós.

               Volnei R, Braga





Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 03/02/2006
Código do texto: T107452
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147453 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:42)
Volnei Rijo Braga