Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PORQUE TE AMO

   Sinto as ondas baterem nas pedras, o vento soprando as folhas que caem das árvores, o orvalho da manhã límpido a brilhar na relva verde e estou só. Você não está mais ao meu lado, partiu, deixando apenas a saudade e o gosto de seus beijos ainda quentes.
   A solidão me sufoca e desespera, aos poucos, sou tragado, vou afundando nesse mar revolto, e não tenho forças para resistir, mas ainda resta uma esperança, a qual me mantém vivo.
   Lentamente horas passam, assim sozinho, em lugar algum me vejo, abatido e cansado, porém cansado de fazer nada além de amar.
   Estou perdido e morrendo tento me agarrar, no entanto não há nada para me segurar, você vem ao meu encontro, comigo está agora aqui, é a esperança que me restava, agora, me traz de volta a vida, vida sem fim.
Julio Alves Filho
Enviado por Julio Alves Filho em 03/02/2006
Reeditado em 03/02/2006
Código do texto: T107493

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Julio Alves Filho). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Julio Alves Filho
São Paulo - São Paulo - Brasil, 53 anos
233 textos (13518 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 07:18)
Julio Alves Filho