Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


Alma, calma, que habita o meu ser
Alento vital, engenho de Deus
Luz incessante, contigua, constante
Trapo, farrapo, langer
Vem, me sente, me abraça,
Faz-me feliz
Me faz renascer ...

Minh'alma soluta
que se mistura em outras tantas
Resoluta , impura é uma criança
Pávida, deselegante, és grande para ter
Mas´precisa crescer grande no ser
Teme o ignoto, o obscuro
O insano e o impuro
Mas se ilumina, qual vela acesa num candelabro
É um clamor de luz, de sismos
Abalos que percorrem a magnitude do querer
Que se inflama, clama
Que provém de estalos, címbalos e embalos
Dos que amam e se vergam à essencia da vida

MEG KLOPPER
Enviado por MEG KLOPPER em 03/02/2006
Código do texto: T107782

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Enviando um e. mail solicitando autorização.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
MEG KLOPPER
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
311 textos (916985 leituras)
38 áudios (68633 audições)
3 e-livros (3129 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:26)
MEG KLOPPER

Site do Escritor