Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O meu amor

Toda vez que eu olho para a Lua;
Toda vez que olho para o azul do céu;
Toda vez que olho para a imensidão do mar;
Lembro-me do quanto posso te amar.

Toda vez que eu penso;
Toda vez que eu sonho;
Toda vez que choro;
É você que vem em meu coração.

Toda vez que vejo a beleza de uma flor a desabrochar;
Toda vez que eu vejo o sorriso de uma criança;
Toda vez que sinto a tua presença;
Nasce em mim a esperança de poder te amar.

Toda vez que eu penso;
O meu amor;
Isso não vai ser possível;
Sinto uma imensa dor;
Por esse amor...

Hugo Gonçalves Costa
poeta do silêncio
Enviado por poeta do silêncio em 18/02/2006
Código do texto: T113382
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
poeta do silêncio
Carapicuiba - São Paulo - Brasil, 35 anos
84 textos (9105 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:53)