Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONFUSÃO

Queria agora poder expressar
O que me vai dentro da alma
Essa solidão difícil de afastar
Cuja única presença me acalma.

Queria muito conseguir entender
Os sentimentos humanos tão imperfeitos
Tão irreais e absurdos que nem posso crer
Ter Deus nos tentado fazer perfeitos.

Em mim se confundem sentimentos;
Sinto raiva, tristeza, mágoa e dor.
Às vezes não consigo explicar meus sentimentos,
Sei que apenas os sinto em alguns momentos.

Pergunto-me sobre essa confusão
Que abala meus sentidos e meu ser
Respostas não encontro, senão
Que a minha alma deve sofrer.

Mas dizem que sofrer de amor não dói,
Quem será que inventou tal asneira?
Amor é o sentimento que mais corrói
E que no coração cria barreira.

Falo de todo tipo de amor,
Não apenas entre homem e mulher,
Pedaço de sentimento que a alma invade,
Resto que fica com a dor da saudade.
Despecial
Enviado por Despecial em 18/02/2006
Reeditado em 18/02/2006
Código do texto: T113482
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Despecial
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
352 textos (17195 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 22:21)
Despecial