Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0603 - Entender




Não sei os caminhos que me levam a ti,
não entendo nada do tempo,
qualquer saber aprendo só depois do amor,
quero entender meu limite, mas não o da paixão.


Não quero a provável solidão nas noites,
preciso das luzes que vêm dos teus olhos,
um jeito mais simples de entender meu espírito,
para amar, sentir o que a vida me trouxe.


Quero ser o fato, o prato preferido, a carne,
preciso dos desejos todos, todos do seu corpo,
estranho não te ter vida afora,
venho para tomar, usar este teu amor, talvez sempre.


Estou um pouco inquieto hoje, amanheci sentindo-me só,
desculpe se meu amor é um pouco demais,
um pouco além do que sonhou outro dia,
prometo não mudar, prometo mais, te amar muito mais.


23/02/2006

Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 23/02/2006
Código do texto: T115321
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116252 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 12:54)
Caio Lucas