Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

cenas do filme "Ivanhoé (1952)"

NORMANDA


Tu és uma linda Senhora normanda,
Eu sou só um pobre saxão cavaleiro;
O Teu rei nesta terra, agora, manda,
O meu, matou-o um gálico arqueiro;

Com ele fui guerrear no estrangeiro,
Eis que seu domínio era a Aquitânia.
Tornei-me dele o melhor mensageiro
Quando o seu irmão impôs a cizânia.

Irrequieto era esse Coração-de-Leão,
Nunca parava muito tempo num lugar;
Bebia vinho, urrava, e, dizia palavrão,
Mas era honesto com o fino e o vulgar.

Nada sei sobre o Destino humano,
O meu próprio fado eu desconheço;
Eu apenas sei que existe o arcano,
E em Seu tarot sou eu que apareço;

De modo que afinal decidi Te escrever
Esta missiva com meu Amor declarado;
Amigo meu, discreto, Contigo irá ter
Para falar do que não Te foi revelado.

Meu Coração se alegra no dileto Amor,
Pois, nesta Justa, é Ele o meu Penhor!

Moacir ad Selena 2002
brilhe a vossa LUZ!

e disseste: Eu serei senhora para sempre (Isaías 47:7)
Moacir et Selena
Enviado por Moacir et Selena em 24/02/2006
Reeditado em 24/02/2006
Código do texto: T115835

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome dos autores e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Moacir et Selena
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 74 anos
736 textos (71183 leituras)
8 áudios (1059 audições)
5 e-livros (2339 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:19)
Moacir et Selena

Site do Escritor