Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTRELA:

Estrela:


Esta noite
Sem o que fazer
Sentei-me à varanda
Numa cadeira preguiçosa.
Contemplei o céu, a lua,
Busquei uma estrela.
Que parecesse com você.
Linda e exuberante.
Entre tantas, ficou difícil.
Então, me vi imaginando.
O céu, como um mal-me-quer.
Para brincar de bem-me-quer.
Uma a uma, eu descartei.
O dia já se manifestava.
No céu uma estrela restava.
Brilhando intensamente.
Cismava, em ali ficar.
Mas o sol foi mais forte.
Seu brilho apagou.
Na varanda eu fiquei.
Sem uma estrela no céu.
Pensei em você, minha estrela.
Que o sol não conseguiu apagar.
Porque sei, que irás brilhar.
Para mim eternamente!


                          Volnei R. Braga:
Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 25/02/2006
Código do texto: T115867
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147465 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:27)
Volnei Rijo Braga