Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EL FOI CULPADA:

Ela foi à culpada.


Garçom esta noite quero.
Em minha mesa um amigo
Que queira apenas conversar
Por isso não me sirvam bebidas.
Também não vou querer cigarros
Quero alguém para me escutar.

Seja homem, mulher, tanto faz.
Apenas, sentem aqui a meu lado.
E, me deixe, desabafar, por favor.
Vá lá garçom, e arrume alguém.
Sei, que teu negocio, e bebidas,
E não remédio para minha dor.

Por favor, tente, me compreender.
Qualquer pessoa desde que não seja.
Aquela Dama de vermelho, ali sentada.
Ela esta ali só para me ver fracassar.
Por isso garçom não quero bebidas.
Só quero, vê-la, se, sentir culpada.

Pois é garçom, ela foi à culpada.
Embora eu não saiba, porque razão.
Fez tudo isso, agora vive embriagada.
Na mesa de um bar, espera encontrar.
Alguém que lhe ofereça, onde ficar.
Para não sentir o frio das madrugadas.


                 Volnei R. Braga:



Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 26/02/2006
Código do texto: T116245
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147455 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 11:46)
Volnei Rijo Braga