Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor do nosso jeito

Amor eu penso em você toda vez que esqueço de ligar pra você
e esqueço de você toda vez que acabo de falar com você
acho isso tão estranho acho isso tão normal
as vezes nosso amor torna-se sobrenatural

E eu não me importo mais
eu perdi o egoísmo de achar que tenho que dizer "eu...", "eu..."
apenas vivo você sem ter que pensar no que vou dizer

Quero sempre encontrar o aconchego da sua pele, o timbre da sua voz que
ecoa em meus ouvidos e me deixa flutuando nas utopias que vivo acordado,
quando estou do seu lado

Tiro do meu peito o medo de não ter um futuro feliz
quando vejo você recordar dos dias que nos fartamos com a doçura do amor
sei o quanto são imprecisas as palavras, e sei o quanto são voláteis os gestos,
porém sabemos o quanto é sincero nosso olhar, nosso simples ato de dar as mãos e nosso suor quando estamos trocando afagos.

Jamais alimentamos a escravidão, o sofrimento conformado, a paixão compulsiva
sempre buscamos o entendimento, a independência por precaução
pois cremos que o destino as vezes não segue linhas paralelas
apesar de desejarmos que siga cada segundo do nosso minuto.
Eder Carneiro Cardoso e Silva
Enviado por Eder Carneiro Cardoso e Silva em 02/03/2006
Código do texto: T117767
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eder Carneiro Cardoso e Silva
Conceição do Coité - Bahia - Brasil, 33 anos
54 textos (2898 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:40)
Eder Carneiro Cardoso e Silva