Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carinhoso beija flor

Carinhoso beija flor
 
Que chegastes nas asas do vento a alisar as tuas penas
e que pousastes no meu cálice vazio, derramando nele todo o teu néctar
e me deixastes a flutuar
acima de rosas, dálias e açucenas,
causando um forte sentir, um arrepio.
 
No frescor das tuas asas,
batendo ligeiras acima de mim,
pude sentir toda a tua frescura e
intensa fecundidade.
Na carência que me acometia,
de tanto tempo de alma vazia,
desacreditando da felicidade,
que teimava em se apossar  enfim,
encontrei-te beija flor,
em teu enlevado voo de ternura,
que me levará à loucura.
 
Arrebatamento dos deuses,
ou quem sabe de fadas e anjos, que sopram alento aos beija flores,
para que eles instintivamente
escolham suas flores e instilem nelas, o alento da vida.

05/03/06
9,56 hs.
Guida Linhares
Enviado por Guida Linhares em 05/03/2006
Código do texto: T119280
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Guida Linhares
Santos - São Paulo - Brasil, 70 anos
1939 textos (158378 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:30)
Guida Linhares

Site do Escritor