Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

8 de Março

No mínimo injusto
Alocar-te uma diária
Honrosa pela lembrança
Fraca em segundos
Covarde com os lábios
Sempre molhados
Sempre meus

Olhei-te com profundo amor
Desviei-me do calendário
O ponteiro incontrolável
Apagava o coro fiel
Não o meu!
Mas dos que choram seco
Anêmicos em sentimentos

Beijei-te com força
Ausente de mundo
Presente no toque
Ainda ofegante
Suspirei sincero
Jurei amar-te hoje
E os outros 364 amanhãs
Romassenav
Enviado por Romassenav em 08/03/2006
Código do texto: T120522
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Romassenav
São Paulo - São Paulo - Brasil
26 textos (1747 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 12:57)
Romassenav