Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Reencontro


 Assim que aconteceu...

 Os  céus se abriram e tu aparecestes

 Graças e referencias...
 A minha alma cintila ...

 Como um astro, como um sol

 Inunda o meu mundo de luz

 Clareou o horizonte escuro que havia em frente aos meus    olhos
Algures nas águas silenciosas procuro a voz  o grito da tua resposta
 Momentos secretos e encantados
 desajeitados mas no corforto da concha do reino encantado
 em que a minha vida despertava de um sono  profundo
 Renasce o sonho das melodias do oceano
 Sonhos refeitos na areia do tempo
 misteriosos profundos de outros e outros mundos encantados



Encantada, permanecia ali

A espera que a vida continuasse a ser vivida depois do despertar

como deusa para a eternidade

de te encontrar, talvez novamente em alguma nebulosa sentado a minha espera, ser encantado ...
Ah! esse amor que o tempo   não apagara
 num estrelado da tua gloriosa  obra
 descoberta luminosa  e harmoniosa da tua elegante postura

 Silencio ....

 A formosura de que a terra conhece

 Teu silencio ecoa pelo tempo como se tivesse criado a mais  pura maneira de expressar os teu pensamentos...

 Eles falam comigo
 Mundo
 Mundos ...

O arco -Íris tudo neste momento  tem poesia
Poesia que enfeita o meu caminho , guia os meus passos ao teu encontro ......



Sabedoria pulsa da orquestra Universal
Chave mística do lago dos cisnes .


Hermelle/PeroladaCoroa
Hermelle
Enviado por Hermelle em 16/03/2006
Código do texto: T123986
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Hermelle
Portugal
144 textos (16295 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 11:34)
Hermelle