Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUADRO-NOIR

ontem, dizer-Te uma coisa eu quis,
mas, não pude, estava a ser Feliz!
escrevia, então, Tuas poesias a giz,
no 'quadro-noir' que tens em Paris;

usavas belle tunique com flor-de-lis,
e, me miravas: 'que me amas, diz!';
Tu és a Mestra, eu sou só aprendiz,
Teus lábios eu beijava e pedias bis;

então, um pensamento me surgiu,
como um relâmpago em céu claro,
a falar de como o Paixão nos uniu;

Tu sacerdotisa, eu um nauta ignaro,
dois jovens na Terra que submergiu,
cujo Amor proibido lhes custou caro.

Moacir ad Selena 2006
brilhe a vossa LUZ!

o mar os submergiu

(Salmos 78:53)

Moacir et Selena
Enviado por Moacir et Selena em 16/03/2006
Código do texto: T124218

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome dos autores e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Moacir et Selena
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 74 anos
736 textos (71189 leituras)
8 áudios (1059 audições)
5 e-livros (2339 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:40)
Moacir et Selena

Site do Escritor