Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Flor Murcha

 
No pulsar de um coração magoado
nos cabelos de vento amarfanhados
sente a alma o desgosto
 
O mar tempestuoso
instala-se em seu esvaziado corpo
revoltando as suas entranhas
 
A caravela do coração
quase naufragada
arria as suas lacrimosas velas
 
E o mar bravio levanta
suas ondas arrebentando o casco
arremessado o sonho
 
E a criatura abandonada
sente a fina lâmina do punhal
atravessando o seu peito
 
A flor do amor esta murchando
sem rega, adubo nem poda
que a vivifique
 
Sabe que da flor que fora um dia
cultivada com carinho
restou apenas a mulher ferida
 
Quase afogada no mar bravio
ainda tem forças de olhar para o alto
para uma tênue réstia de luz
 
Morrer
 
Ressuscitar
 
Repensar
 
Recomeçar
 
Renovar a vida!
 
Santos, SP
24/03/06
19:54 HS
 
Guida Linhares
Enviado por Guida Linhares em 24/03/2006
Reeditado em 11/04/2006
Código do texto: T128082
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Guida Linhares
Santos - São Paulo - Brasil, 70 anos
1939 textos (158342 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:23)
Guida Linhares

Site do Escritor