Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Perola

Vejo o sol por uma fresta,
De dentro de minha conchinha,
Meu peito se alegra em festa,
Frágil de tão pequenina

Estou ensaiando o movimento,
Enquanto aguardo o momento,
Aqui dentro estou protegida,
Porém de tudo, por tudo esquecida.

Quero poder o mundo comtemplar,
Até meu amor encontrar,
Não sei ao certo se ele existe,
Pois apenas em meu sonho persiste.

Daqui de onde estou vejo beleza,
Maquiada por minha pureza,
Vejo lá fora tudo colorido,
Pelos raios de sol tingido.

Mas, estou enganada,
Os meus olhos nada veêm
Neles apenas se refletem
a visão da pessoa amada.

Como se estivesse hipnotizada,
Por uma visão encantada,
Decido minha conchinha deixar
Para sem medo ao teu lado caminhar.

                                                                                                                                                                         
Rof@n
Rofan
Enviado por Rofan em 27/04/2005
Código do texto: T13232
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rofan
São Paulo - São Paulo - Brasil, 54 anos
84 textos (4610 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 09:02)
Rofan