Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A FRUTA


Acalma os teus sentidos nos meus
Deixa que eu te dê meu abrigo
Quero os meus olhos nos teus
Recosta-te em meu ombro amigo

Mesmo que não te fale de paz
Minhas guerras te fazem sonhar
Te tiram da vida que não te apraz
Te dão o refugio para se embrenhar

Sei quão cruel é teu mundo
E o muito que roubam de ti
Porem tem a alma intocada
E ela tu entregas para mim

Te encho a cabeça de estrelas
E em nuvens te levo a divagar
Mantendo os teus pés no solo
Pra que nunca venha tropeçar

Não é fruto de idílio proibido
Este amor que ansiamos provar
É a fruta mais doce e sagrada
Que fez Deus a nos presentear

Ah! doce fruta do meu Coração
Como eu sonho sentir teu sabor
Sei, maduras em galho tão alto
Talvez nunca venha te apanhar
Zoiudo
Enviado por Zoiudo em 04/04/2006
Código do texto: T133858
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zoiudo
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 60 anos
82 textos (5736 leituras)
11 áudios (1362 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:46)
Zoiudo