Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Meu Amor 

                            (Para Lestat)

Meu amor é como a onda do mar,
Às vezes calmo, às vezes insano.
Só sei que ele nem sempre me domina,
Embora meu peito nele sempre se afogue.

O meu amor é como as rajadas do vento,
Nem sempre brisa, e muitas vezes furacão.
Mas, também ele sabe controlar-se,
E transforma em ventarola o meu tufão.

Mas, meu amor não aceita engodos,
Ele sabe o que quer, como quer e a quem quer.
Não se contenta com menos, não permite substituição,
Quer amor de verdade, pleno, corpo e alma.

Um amor que saiba doar e receber,
Ida e volta, fluxo e reefluxo.
Amor sem egoísmos, sem barreiras,
Amar realmente, sem fronteiras, frente e verso.

Assim é o meu amor: Verdadeiro!
Repleto de Luz, Paz, sem cativeiros...
Amor maior, o maior dos sentimentos,
Para, com ele, ser feliz... por inteiro...

(escrito aos 20/05/2005 - 12:00 horas)
Akasha De Lioncourt
Enviado por Akasha De Lioncourt em 07/04/2006
Reeditado em 05/07/2009
Código do texto: T135099
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Akasha De Lioncourt
São Paulo - São Paulo - Brasil, 45 anos
706 textos (1034693 leituras)
72 áudios (109732 audições)
30 e-livros (56832 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:52)
Akasha De Lioncourt

Site do Escritor