Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEIXAI ACONTECER



Pus meus olhos em teu sorriso,
E os pensamentos a adivinhar,
Que o tornas mais bonito,
És  quando sorrires – sem está comprometido
Ou quando me olhas com desejo de me amar.

Deleitei  só de olhar o teu rosto a desenhar
Disfarçando o desejo abrasador, a quem enganas?
Faceiro  estais e a cada suspiro...
Sinto o palpitar d’alma em chamas.

Impossibilita a expressão que a ti entregas
Reforçada contradição, por não deixar perceber.
Transparência ao ouvir tua voz sussurrante,
Venhas, entregar-te ao meu eterno prazer.



Brandamente arde em volúpia insana,
Prudência, não existe nesta hora razão,
Perceba  a emoção dominadora tomar conta
Deixai acontecer sem medo, se há perfeição.

Aproveitai  a magia que transpira ao amar,
Devorando todos os sentidos sem consciência
Trasbordante em suor, Eu  o sorvo por segundos,
Em goles pequenos, o beberei em colher de chá.

Aprisionado estais, quando adentra o meu ser,
Sentires o sabor da pele ofegante,
Do nascer necessariamente de um novo florescer,
Vamos deixar que tais evidencias  aconteçam
Invadirem com o milagre dessa nossa experiência.






Morgana Rosa
Enviado por Morgana Rosa em 19/11/2004
Código do texto: T136

Copyright © 2004. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Morgana Rosa
Salvador - Bahia - Brasil
248 textos (11204 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:54)
Morgana Rosa