Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0655 - Bem vida




Bem vinda... a um amor sem fim,
dou-te luz antes e depois,
quero teu encanto na minha vida,
deixarei rastros de felicidade
juntos nesse meu caminhar,
vem para o hoje de nossos sonhos.


Bem vinda... a minh'alma,
a uma nova felicidade,
olhe-me sem censura,
faça com que exista em ti,
quando triste, chore,
depois transforme em alegria
os dias que amanhecem amor.


Bem vinda... a plenitude da paixão,
aos prazeres que meu corpo dá,
mistura teus sentimentos
e faça o calor,
vamos incendiar estes desejos,
cobrar da paixão,
pagar com êxtases as vontades.


Bem vinda... antes, te amo,
com todas as minhas incertezas,
com a promessa de um novo encontro
qualquer noite,
fazendo a distância desaparecer
da lembrança,
indo a caminho dos sonhos...


Bem vinda...
Volte teu rosto ao passado,
pela última vez grite tuas magoas,
depois vem e recoste em meu peito,
viva a loucura que não prometi,
até que o amor a faça ir além do coração.


11/04/2006

Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 11/04/2006
Código do texto: T137398
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116238 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:31)
Caio Lucas