Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0657 - Busca




Busco vida em um corpo de mulher,
como se fossem rua, caminho lento,
não mostro meus anseios, escondo minhas magoas,
por um momento espero, até que me olhe.


Volto a sonhar em uma noite destas,
o retorno é lento, dolorido,
no rosto a luz reflete ao contrário dos passos,
o peso ainda está sobre os ombros, até me sentir amado.

 
Nos olhos já não tenho lágrimas,
nos braços carrego as vontades,
nas mãos, a insegurança de um novo adeus,
na voz um pedido quase em silêncio para que fique.


Noite passada se vestiu de branco como a lua,
colori alguns sonhos de dourado e a ofereci,
nos braços trouxe flores e me entregou,
com um sorriso mostrei carinho e a vontade de amar.


Uma noite passou, muitos sonhos e uma realidade,
a calma voltou na alma antes vazia,
nos corpos o gozo de um amar seguro e forte,
nos olhos, felicidade e um desejo de para sempre amor.


12/04/2006
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 12/04/2006
Código do texto: T137840
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116242 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 17:55)
Caio Lucas