Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O QUE SOBROU

O QUE SOBROU

O vento levou o que sobrou,
roubou o sonho de uma lembrança,
onde a vida tinha emoção,
e hoje ela mora no passado
de um amor que o vento
não traz de volta...

O vento levou, o que não era
para levar, cada capitulo
de uma historia que ficou
marcado, com as lagrimas
que o vento não conseguiu
secar, deixou saudades
na despedida que o vento carregou.

O vento encontrou,
a lamentação de um amor
perdido no destino,que pensava
ter vivido seu amor, mas
que se enganou quando
conheceu a paixão...

O que o vento levou,
hoje faz parte de um universo
que se espalhou entre as nuvens,
esperando a chuva, para juntar
suas lagrimas com as gotas
de orvalho de uma manha
que nasce com a chegada
da esperança de esquecer
a dor que o vento não
conseguiu levar...

Um amor que não conheceu
o seu significado, anda vagando
pelo tempo sendo carregado
pelo vento, até onde esquecimento,
é a pousada do passado....
poeta da paz
Enviado por poeta da paz em 13/04/2006
Código do texto: T138621
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
poeta da paz
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 61 anos
3694 textos (146788 leituras)
186 e-livros (26764 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:29)
poeta da paz