Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lua

A lua tem lá seus paradoxos, ilumina a noite, logo a
noite, onde corre em bandos os mais escondidos segredos,
mas é ela quem faz o berço onde nascem a maioria das
coisas que sonhamos em vida. A lua olha encarando, mas
não pergunta, espera quieta um rompante qualquer e sempre obtém respostas sinceras de quem chora madrugadas inteiras. Ela brilha e reluz nas lágrimas da madrugada, onde os segredos bem guardados se tornam notícias e dorme ao amanhecer deixando novas verdades a luz do sol, luz
que faz sombra, para os beijos dos amantes, mesmo que distantes.
Jose Carlos Cavalcante
Enviado por Jose Carlos Cavalcante em 18/04/2006
Reeditado em 18/04/2006
Código do texto: T141226
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jose Carlos Cavalcante
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
730 textos (54067 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 18:47)
Jose Carlos Cavalcante