Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Acidente

As saídas não são muitas.
Viaduto, contra-mão,
transito,poeira
vidro sujo de fumaça,
barulho de carro que passa,
quatro rodas, oito rodas,doze rodas
caminhão.
Nessa estrada amor
faltou sinalização.
Me perdi num engarrafamento
de sentimentos congestionados
e olhares batidos
apreedidos sem re-visão.
Emplacamentos de sistemas frios
silvo de apito sombrio
solidão.
Busquei atalho em seus olhos.
Andei no acostamento
de um sentimento que inventei.
Acostumado com sinal verde,
no vermelho acelerei.
Bati de frente com teu corpo atrapalhado
atropelado entrelçando com o meu.
Senti seu sinto de insegurança
numa curva apertando-me o peito
não teve jeito de pisar no freio.
Nessa estrada amor
faltou sinalização.
Derrapei numa freiada feia,
despenquei no barranco da solidão.
Eneas Andrade
Enviado por Eneas Andrade em 21/04/2006
Código do texto: T142722
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eneas Andrade
Salvador - Bahia - Brasil, 36 anos
109 textos (4014 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:21)
Eneas Andrade