Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OLHOS DE MAR

Ainda vejo nos teus olhos formosos
O mar com uma onda que se eleva
No fundo o sol clareando a treva
Do passado dos nossos dias gloriosos

De amantes fogosos e enamorados
Vivendo um sonho em róseas furnas,
Afastando as sombras taciturnas
Sem que fiquem, num canto, ignorados

Os percalços que sacodem seus guizos
Na existência de toda criatura,
E a agulha do amor que sutura
As feridas d’alma quando é preciso.

A juventude já não veste nossos corpos,
Mas fizemos da confiança uma armadura
Que sempre nos protegeu da investidura
Do monstro da rotina oferecendo copos

Do seu amargo elixir que enfraquece
As estruturas de um relacionamento
Necessitando a todo o momento
Uma dose de diálogo que robustece.

25/10/04.
Maria Hilda de Jesus Alão
Enviado por Maria Hilda de Jesus Alão em 03/05/2005
Código do texto: T14514

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Hilda de Jesus Alão
Santos - São Paulo - Brasil
848 textos (343258 leituras)
19 áudios (10580 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:33)
Maria Hilda de Jesus Alão