Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Entendeu nadinha


Querida que tal...
Falarmos um pouco de nós
Quem sabe, escrever um poema.
-isso um poema falando de nós dois
-certo diga por onde começamos,
pelo dia que nos conhecemos.
-não: -então pelo nosso primeiro beijo.
-ah, e para falar de nossa primeira vez.
naquele humilde quarto de motel
-sem graça, isso tudo foi num só dia.
-agora sem graça, esta sendo você.
cortando assim nosso barato
-quer saber de uma coisa, amor.
-o que é: -vamos começar tudo de novo
-tudo de novo, como assim querida,
escrevendo outro poema: -não seu bobo,
vamos relembrar tudo de uma outra maneira.
-como assim de uma outra maneira
-já vi que você entendeu, nadinha mesmo.
olhe para cama e me diga o que achas?


Volnei R. Braga

Pelotas: 28/04/2006









Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 29/04/2006
Código do texto: T147129
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147481 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:26)
Volnei Rijo Braga