Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UTOPIA

     


    Enfim, a vida acontece!
    Do seio materno reconfortante e seguro,
    sou arrancado sem ser consultado.
    Um mundo colorido me salta aos olhos
    e me enche de prazer e gozo.
    Milhares de flores me encantam a alma.
    Um gozo supremo me acalenta os sonhos.

    Lindas formas femininas me causam deleite eterno.
    A hora do enlace de repente acontece.
    O sonho se torna real.
    A realidade me causa calafrios.
    As utopias se acabam.
    Sonhar, já não é permitido.
    A sobrevivência é luta constante.
   
    A idade vai avançando em ritmo frenético.
    Uma outra flor me embaralha os pensamentos.
    Convenções e proibições me cerceiam os projetos.
    A tristeza é minha companheira impiedosa.

    Será que terei outra chance?
    Ou viverei em eterna expectativa?
                               
Gilberto Feliciano de Oliveira
Enviado por Gilberto Feliciano de Oliveira em 30/04/2006
Código do texto: T147995
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilberto Feliciano de Oliveira
Araguari - Minas Gerais - Brasil, 61 anos
75 textos (8104 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 13:06)