Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESVOAÇAR DE PENSAMENTOS

Subitamente, dei asas aos meus pensamentos,

em razão de se encontrarem reclusos

por longo tempo.

E assim, eles ganharam o infinito.



Desapareceram, não sei por onde andaram,

mas ao regressarem,

trouxeram seres inanimados,

quem sabe até para entediar  meu coração



A chegada foi de total agitação,

ensejando o reviver de antigos problemas,

como o despertar de sonhos adormecidos

no berço do ontem,

hoje quase esquecidos.



Foi assim  que presenciei

o ressurgir dos mesmos fantasmas,

que metodicamente eztinguiram

com a moralidade do meu perfil.



Não sei a razão do avivamento,

nem o motivo desse novo impulso

sobre assuntos indesejáveis,

tão fora de propósito, que antevi

o fenecer de minhas esperanças.



E agora o que fazer

com essa conhecida dependência,

se um dia do passado quis mostrar

um caminhar acautelado, e,

acabei perdendo a direção de tudo?



Não sei não, mas senti

o meu horizonte se distanciar

um pouco mais.

Vi as águas do riacho de

minha vida unitiva turvarem,

deixando de espelhar meu estado promissor



































 
Wil
Enviado por Wil em 08/05/2006
Reeditado em 09/05/2006
Código do texto: T152392
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 81 anos
2613 textos (84510 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:26)
Wil