Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Conselho

Se vens a meu encontro
traga contigo teu melhor sorriso
e tente enganar-me mais uma vez
pois que do outro não me esqueci
e do sentir  meu coração padece
não mais sou senhora de minh'alma
que, livre, volteia a meu redor
abandonando meu peito
à sua própria dor
no meu rosto, sério agora,
não encontrarás promessas
mas a aridez do perdedor
e meu corpo,  estéril e seco,
tranca-se  com nó górdio,
em defesa de  novo amor
portanto, se aproxime com vagar
e procure, no vazio de meus olhos,
o olhar que se perdeu um dia
e que, por tanto tempo,
foi somente teu.
 
Maria Luiza de Monteiro Marinho
Enviado por Maria Luiza de Monteiro Marinho em 08/05/2006
Código do texto: T152783

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link www.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Luiza de Monteiro Marinho
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
149 textos (4798 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:58)
Maria Luiza de Monteiro Marinho