Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TODO TEU


Perdoa-me a barba mal feita,
O cabelo em desalinho,
A poesia imperfeita,
Derramado vinho...

É que tinha pressa,
Pressa de chegar,
De ver depressa
Esse teu olhar...

De me entregar à você
Feito presente sem embalagem,
Desembrulhado prazer
Para a longa viagem...

O amor, bem que me disse,
Ela é o seu bem querer;
De olhos abertos que eu visse
A amorosa verdade de ver...

Tem horas que o olhar cessa
De infinita miragem
E se cumpre a promessa
Do fim da estiagem...

Toma, pegue, sou todo teu,
Sem nada tirar, nem pôr;
Brilhante é o coração meu
A iluminar o nosso amor.



Preto Moreno

















Preto Moreno
Enviado por Preto Moreno em 09/05/2006
Reeditado em 09/05/2006
Código do texto: T153059

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Orivaldo Grandizoli). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Preto Moreno
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
6777 textos (102524 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 09:53)