Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A mudança de estação

Secaram-se as lágrimas

Lagrimas que nascem  directo do coração
Não são mais transparentes
Elas carregam a emoção
Essa dor que se veste de purpura .



Quando chega o verão em nossas vidas
A mudança de estação
Vertem-se águas fugidias
Amor afogueado aos  raios do sol.


Passam-se os anos em um segundo
O coração a vislumbrar as marcas nele deixadas
Lições aplicadas
Na efemeridade de nossa existência.


O amor nasce como morre
Num suspiro de pesar
Onde o coração abandona
A subtileza e a vaidade.



Deixando apenas o rastro perfumado da Nostalgia
Wanda Ayala
Enviado por Wanda Ayala em 10/05/2006
Código do texto: T153502

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Wanda Ayala-www.recantodasletras,.uol.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Wanda Ayala
Portugal
425 textos (36692 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 07:55)
Wanda Ayala