Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUANTAS MORTES?

- Sempre que termina a paixão
Há uma morte em mim.
Num coração que parte
Há um vazio, que fica.

= QUANTAS MORTES, QUANTAS?

- Muitas! Tristes, doloridas...
Quantas ternuras esquecidas!
Como me marca a última morte,
Reflexo de paixão inacabada.

= QUANTAS MORTES, QUANTAS?

- Quanta inquietude arrastada
Para uma nova etapa,
Corroendo uma saudade
Qual solidão indesejada.

= QUANTAS MORTES, QUANTAS?

- Que brotam da seiva viva
Esperando a próxima morte,
Como um refúgio secreto
Que me inquieta e seduz.

= QUANTAS MORTES? QUANTAS MAIS?!

- Muitas! E muitas mais, sem fim...
Até que chegue o verdadeiro amor
E a vida, jamais morrerá...
                  ... sem mim!

By@
Anna D'Castro
(D.A.Reservados)

Anna DCastro
Enviado por Anna DCastro em 11/05/2006
Reeditado em 08/07/2013
Código do texto: T154341
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna DCastro
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
207 textos (10690 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 10:16)
Anna DCastro