Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Jogada de amor


Jogada de amor:


Caminhado vou
Para um encontro
Onde o amor espera
Que eu compareça
Mas não tenho pressa
Chegou a minha vez
De mandar no jogo
Onde eu jogarei limpo
Sem nenhuma trapaça
Embora saiba que ela
Usará as suas cartas
E com toda certeza
Elas estarão marcadas
Mas hoje ela perderá
A sorte estará comigo
Para vencer sem esforço
Mais esta rodada de amor
Por isso não tenho pressa
Quanto mais tarde melhor
Este será meu blefe eu sei
Pois ela não suporta esperar
E se entregará, pois não terá.
Nenhum trunfo para me vencer
Neste jogo, sua única chance.
Será um empate, jamais ganhar.

Volnei R. Braga

Pelotas: 11/05/06








Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 12/05/2006
Código do texto: T154542
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147484 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:49)
Volnei Rijo Braga