Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0689 - Meu segredo




Vem meu segredo, vem,
deixa ficar, me esconde em você,
o peito dói,
é a saudade que faz assim,
ensina-me, diz se é assim que é amar.


Quero a sua paz,
por este amor que venho lutando,
tem horas que sonho demais,
tudo é por você,
descobri o amor, agora sei.


Hoje vi como a lua faz amor,
fica aguardando o sol pela manhã,
o prazer é quando o dourado invade seu corpo.
É assim que sinto você,
tomando-me para brincar de ser feliz.


Não quero ser o amanhecer e você à noite,
preciso ficar do seu lado,
ouvir sua voz,
quem sabe cantar ou falar do agora,
o depois deixa pra quando souber te amar.


Agora que sabe meu segredo, vem,
quero ser a outra parte,
o carinho, o abraço, o riso,
não deixa perder o que te entrego,
o amor é tanto que sozinho não sei lidar.


12/05/2006
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 12/05/2006
Código do texto: T154783
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116249 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 16:18)
Caio Lucas