Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estranho Amor II

Assumi
este meu estranho amor.
Não irei mais negá-lo,
retê-lo, pressioná-lo.
Deixarei que viva
livremente
em meu peito.

Este estranho amor,
que me arrebatou repentinamente,
com o encontro
de meus olhos com os teus.

Que me sinalizou desde o início
que deveria ter cuidado,
afastar-me,
pois a proximidade era sinônimo
de um sentimento arrebatador.

Este estranho amor
fez-me procurar evitá-lo,
mas a curiosidade
e a atração gerada
pelos nossos olhares,
provocou uma inevitável aproximação.

Como todo o poder
de um ímã,
atraímo-nos intensamente.

Roubei certa vez
um olhar teu,
que demonstrava toda a
imensidão do teu
sentimento por mim.

Naquele momento,
tive a certeza
que meu amor era
correspondido.

Isto permitiu
continuar vivendo minha vida,
levando meus projetos
e aguardando o passar dos dias,
para descobrir
quais as surpresas
que o destino nos reserva.
Marcia Oliveira
Enviado por Marcia Oliveira em 14/05/2006
Código do texto: T156061

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Marcia Coelho - www.marciacoelho.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Marcia Oliveira
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 45 anos
70 textos (5052 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:40)
Marcia Oliveira