Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A cruz que me cavou

Ajoelhaste sobre o meu túmulo,
Sobre a quimera que me restou,
Derramaste suas lágrimas imundas,
Pois em vida, nunca me amou,

Agora se castiga, se lamenta,
Ao ver a cruz que me cavou,
Coloca tuas mãos nogentas,
Nas flores que aqui plantou.

Afasta-te daqui ser sem coração,
Já levaste tudo que eu sonhei,
Em vida tiraste toda a minha ilusão,
Foste tudo que um dia eu mais amei.
Elvis Cristiano
Enviado por Elvis Cristiano em 18/05/2006
Código do texto: T158534
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Elvis Cristiano
Catalão - Goiás - Brasil, 36 anos
226 textos (20677 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:16)
Elvis Cristiano