Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EXÉRESE


Jorge Linhaça
23/10/2005
 
Abro o tórax, separo meu peito
o coração é pinçado, lancetado
operado, remodelado, refeito
O sentimento impróprio extirpado
 
Ablação desse apêndice indesejado
que inibia a capacidade de amar
Deixando meu coração conspurcado
impedindo a felicidade de entrar
 
Exérese por fim bem sucedida
Obliteração do mal latente
A vontade de amar revivida
Extinta enfim a dor pungente
 
Cicatrizes que se fecham saradas
coração que recobra os batimentos
batendo no peito mais acelerado
em busca dos mais puros sentimentos
Jorge Linhaça
Enviado por Jorge Linhaça em 19/05/2006
Código do texto: T158678
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Linhaça
Salvador - Bahia - Brasil, 55 anos
3723 textos (711244 leituras)
95 áudios (13093 audições)
1 e-livros (277 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:06)
Jorge Linhaça