Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Falso Amor



                     Falso Amor

                                                                 
          Um sorriso largo  mais infeliz,
          Um beiço apinhado de vida perdida,
          Um apego que se oculta na vida...
          Um beijo molhado mais estéril.

          Um corpo desnudo mas sem luz.
          Um gozo: um gemido mudo.
          Um sol forte no escuro total.
          Rasga-se a mascara é mentira.

         Olhos que não se encontraram,
         Corpos que somente se amaram,
         Mãos que se desconhecem.
         Um amor que vive sem orgia...

         Sexo da um grito de agonia.
         Um gozar e se foi o dia ...
         Um trocado e nada mais.
         Afinal acabou a fantasia.

                                                                                                                     
                                                         
Poeta Mario Macedo de Almeida
Enviado por Poeta Mario Macedo de Almeida em 19/05/2006
Código do texto: T158700

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeta Mario Macedo de Almeida
Guarujá - São Paulo - Brasil, 55 anos
676 textos (39564 leituras)
3 áudios (248 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 20:04)
Poeta Mario Macedo de Almeida