Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÊXTASE

miro o teu olhar
repleto de infinito
teu corpo molhado
disposto e despido

teus braços, eu imploro
deleito-me na tua ânsia
sinto-me criança
e reclamo o teu colo

teu gesto suave
queima-me por dentro
um desejo se arde
no meu pensamento

meu corpo em chamas
junta-se ao teu
partilhando o pecado
que era só meu

no mundo não cabe
o nosso desejo
um orgasmo resvala
no trago de um beijo

nossos corpos colados
rolando, embolados
num ar de ternura
paixão e loucura

a lua, à distancia
derrama fragrância
em nosso favor

e, no ardor da volúpia
sem alarde, sem culpa
comungamos o amor.

João Nery Pestana
Enviado por João Nery Pestana em 22/05/2006
Código do texto: T160796
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
João Nery Pestana
São Paulo - São Paulo - Brasil
29 textos (1098 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:21)
João Nery Pestana