Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ALUCINAÇÕES - À poetisa Claudia Freire

À poetisa Cláudia Freire

A dúvida não é uma sensação agradável, mas a certeza é absurda. Voltaire (1694-1778), filósofo iluminista francês.

Eu mergulhei no espaço
a tua mão em meu braço
nesta sublime visão...

A morte se aproximava
e eu que tanto te amava
queria pedir perdão...

Mas tu estavas distante...
O meu passo rastejante
como iria te alcançar?!...

Foi aí que o aparelho
reluzente qual espelho
pode, enfim, aterrissar...

Nos momentos de ansiedade
a morte, fatalidade
rondando o meu caminho,

sofri de alucianações,
quando os nossos corações
transmitiam tal carinho...

Na pista terraplenada
vi minha mulher amada
afastar-se, lentamente...

Acenei, em vão pra ela
que sumiu por tras da tela
que criara a minha frente
Ricardo De Benedictis
Enviado por Ricardo De Benedictis em 27/05/2006
Código do texto: T163931

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo De Benedictis
Vitória da Conquista - Bahia - Brasil, 77 anos
1214 textos (272459 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:40)
Ricardo De Benedictis