Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INEXISTENTE ESPERANÇA

Dentro da imensidão de meu ser,
explode uma frenética busca,
que aos olhos da razão
tudo se transforma em
causa enigmática e obscura.

Estranhos também são os sonhos,
que rodeiam,
e que confundem
todos os sentidos da vida.

O tão esperado horizonte,
onde aguardei a esperança,
sucumbiu sob os efeitos de
um desconhecido vazio.

Já não consigo lembrar de nada,
nem o lugar de um passado
onde reinava a felicidade,
singular realidade.

Misterioso, já não me encontro,
é real o desencontro e profundo
o abismo.
Contudo, o estranhável,
é que concluo que sou eu
o desconhecido deste mundo...,
que busca uma inexistente esperança...





Wil
Enviado por Wil em 31/05/2006
Código do texto: T166599
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 81 anos
2623 textos (84599 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 09:40)
Wil