Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

REGENCIA DE SEU AMOR

REGENCIA DE SEU AMOR

Quando paro, para contemplar,
a cachoeira  derramando
suas águas para o rio
conduzir, pelo meio da floresta,
percebo que as estrelas
se escondem atrás dos galhos,
para iluminar a noite,
junto com os vaga lumes,
deixando a noite da floresta
com um colorido que
a noite, homenageando
a paz de um reino
onde o amor é cultuado
sem fronteiras...

Quando amanhece o dia,
o brilho do sol,
penetra na floresta,
onde os pássaros
fazem um espetáculo,
onde as flores assistem
a revoada, esperando
receber um beijo dos colibris,
que sob a sua regência,
de seu vôo silencio
comanda a sinfonia do amanhecer...

Debaixo da sombra dos galhos,
onde o amor é cultuado,
vive a senhora da paz,
que é a Rainha da floresta,
que vive colhendo
emoção, de um mundo
onde o silencio,
é homenageado
pelo colorido,
das pétalas que se
soltam para passear
com o vento...















poeta da paz
Enviado por poeta da paz em 04/06/2006
Código do texto: T169167
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
poeta da paz
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 61 anos
3694 textos (146764 leituras)
186 e-livros (26763 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 10:03)
poeta da paz