Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eternidade!

Em meu coração,fizeste morada,
teimas em estar aninhada,
em permanecer...
Raramente quer estar de mim separada,
não vendo as diferenças que nos separam,
indo a procura de minhas estradas,
terna, teimosa, incansável!
Eu não sei que palavras usei
Tão poderosas para atar-te,
em mim, assim, assim...
Ri de minhas palavras, 
mesmo assim
no meu abraço se aninha,
com olhar de menina,
dengosa, 
felina!
Até onde iremos com este amor?
Dia e noite pergunto-me medrado,
és o meu bem mais caro e precioso! 
-Meu amor,
 meu pecado! 
Profunda realização!


26/05/2006
Edvaldo Rosa
www.sacpaixao.net
www.casadoescritor.com
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 04/06/2006
Código do texto: T169313
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Edvaldo Rosa
São Paulo - São Paulo - Brasil, 55 anos
1727 textos (173683 leituras)
23 áudios (10645 audições)
35 e-livros (8977 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:20)
Edvaldo Rosa

Site do Escritor