Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sempre,sempre...eternamente.

O vento levou você para o céu, ao lado dos anjos te deixou.
A brisa que ao seu lado nasceu, ficou.
Consigo senti-lo,é como se você estivesse aqui.
Essa suavidade marcou você.
Me sinto tão só.
Sinto saudades, não posso chorar de tristezas...
As lágrimas que corre no meu rosto são apenas o reflexo das que estão caindo aqui por dentro, apenas lágrimas de saudades, nada mais.
A eternidade  não tem fim,nunca chega o momento para eu te sentir novamente,sempre desejei que existisse o eterno,hoje eu não mais o quero,apenas quero te ter,porque você se foi.
Queria sorrir não posso você era o único motivo da minha alegria...
Eu vivi somente enquanto a sua vida durou hoje eu apenas existo, não vivo...
Isso me fere.
O que mais dói é saber que em algum lugar você está e eu não consigo te ver, te tocar, te sentir.
Meus sonhos não são mais sonhos, pois o único sonho era você.
Eu queria sumir, desaparecer, não posso,seria mais difícil de te achar.
Até nessa horas existem diferenças,há pessoas como você que possuem duas vidas e pessoas como eu que não possuem vida.
Não te culpo por levar minha vida com você,desculpe-me se assim estou.
Mas é uma droga essa dor da saudade,é pior que a dor do amor.
E se ao menos essa dor matasse,eu poderia estar com você pra sempre,sempre e sempre...eternamente!
Cindymh
Enviado por Cindymh em 07/06/2006
Código do texto: T170837
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cindymh
Paranaguá - Paraná - Brasil, 30 anos
185 textos (57842 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:28)
Cindymh